29 de outubro de 2014

Resenha do Livro: Breve história de quase tudo


  Nos últimos meses eu estava me preparando para o ENEM através da leitura de alguns livros científicos e históricos, e pretendo falar sobre os principais: O Mundo de Sofia; O Diário de Anne Frank; Persépolis e Breve história de quase tudo. A resenha de hoje é exatamente sobre este último livro.

  O autor Bill Bryson promete esclarecer algumas perguntas intrigantes sobre a história da vida na Terra e do Universo, além de abordar como é que os cientistas conseguem obter estas respostas. Essa é basicamente a sinopse do livro, o que significa que não é uma história de ficção, porém não por isso deixa de ser interessante e atiçar a curiosidade do leitor.
  Também vale citar que a maneira como Bryson escreve é muito simples e de alcance do leitor leigo, portanto, desvenda-se alguns conceitos que parecem complicados – e realmente são, na verdade. Pode-se notar isto nesta frase do autor falando sobre o livro:
A ideia era ver se seria possível entender e apreciar as maravilhas e realizações da ciência – surpreender-se com elas, até curti-las –, num nível nem técnico ou difícil demais nem muito superficial.
  O conteúdo do livro por si só já me chamou super atenção, mas este livro realmente não quer passar despercebido: as bordas são azuis e ele é bem enorme – 484 páginas de livro mesmo e mais 56 somente de notas. Sobre isso de ele ser tão extenso, eu achei um pouco desnecessário, porque algumas partes foram cansativas e eu até abandonei a leitura em certo ponto. Como só faltavam umas 60 páginas, eu resolvi continuar depois de alguns dias e as li em um fim de semana.
  Com este livro, eu me dei conta de que nós conhecemos tantas histórias inventadas, porém, a história mais importante que já ocorreu – a vida na Terra – é um assunto de que pouco sabemos. Outras coisas que aprendi: o meio científico é cheio de intrigas; ainda há muitas coisas a serem compreendidas pela ciência (muito mais do que se pode imaginar), pois não fazem nenhum sentido aparente; TEMOS REALMENTE MUITA SORTE EM EXISTIR.
  Enfim, apesar de tudo, eu adorei ler este livro e acho que lê-lo é uma experiência incrível que todos deveriam ter. Caso um dia você encontre este livro em uma biblioteca – ele é um pouco caro para comprar, em torno de 50 reais – não deixe de ler, mesmo que não goste de ciência e não queira ler tudo. Assim, expandimos nossos horizontes e pontos de vista, pois nunca é tarde para aprendermos algo mais. Talvez eu esteja exagerando, mas é só um pensamento de uma amante da Ciência.

#ahbemsério, por SHE

4 comentários:

  1. Oi!
    Eu estava justamente procurando livros desse estilo, para fins de estudo.
    Apesar de ser um pouco grande e ser um pouco maçante, fiquei interessada. O assunto abordado é intrigante.
    Vou tentar lê-lo o mais breve possível.
    Beijos
    Construindo Estante || Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, é bom variar o nosso tipo de leitura e conhecer mais sobre o mundo :)

      Excluir
  2. Oie Cris =)

    Ahhh! Mundo de Sofia é muito amor <3! Já li três vezes rs...

    Não conhecia esse livro, mas gostei bastante da temática dele.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora mesmo eu estou indo terminar de ler O Mundo de Sofia, em breve terá resenha aqui no blog, não perca.
      :)

      Excluir

Dê sua opinião sobre o assunto discutido acima :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2015 | Design e Código: Natana Duarte - Colecionando Livros | Uso pessoal