28 de agosto de 2015

Resenha do Livro: Surfistas, Beijos e um Pé de Pato

  Olá meus queridos, como estão? Eis que ressurjo depois de uma semana para vos apresentar minha última leitura que simplesmente me cativou e que quero espalhar para o mundo que todos têm que conhecê-lo. O motivo? Já conto, meus caros, vamos devagar (rsrs).



  Nossa resenha de hoje é sobre o livro Surfistas, Beijos e um Pé de Pato, da autora e queridíssima Carolina Cequini (muito obrigado pelo deleite Carol <3), que é um romance juvenil que mistura a realidade e fantasia, contando a história de uma adolescente carioca (sim queridos, a história se passa no Rio de Janeiro, olha o luxo), que um dia se revela sereia e inicia uma aventura de descobrimentos e surpresas nesse mundo para ela até então utópico, além também de viver novas e tão esperadas experiências dignas de uma adolescência, onde envolve sua vida pessoal, colegial e amorosa. Muitas garotas e até garotos ao lê-lo irão se identificar em muitos pontos, pois quem aí nunca foi adolescente, não é queridos? Quero fazer um comentário importante: achei GENIAL a história se passar no Rio de Janeiro, pois isso dá um tom mais real na obra; logo retrata lugares e ambientes da cidade que com certeza fará muitos cariocas se identificarem (só por ter lido já me sinto um hahaha)


 Pois bem, Celine é o nome de nossa protagonista, uma garota de 15 anos, caloura no ensino médio, filha de pais médicos e em pouquíssimo tempo, vai estar de férias. Mas as surpresas começam logo nessa última parte, quando em mais um dia após a aula e ela chega em casa, se depara com seus pais arrumando as malas rapidamente pois teriam uma viagem internacional para fazerem (por razões profissionais) e Celine não estava incluída nessa ida à Europa. (Nossa, eu teria ficado arrasado e depressivo depois dessa). Logo, é lhe dito que ficará as próximas duas semanas na casa de sua tia, Luísa, onde a garota será muito útil como ajudante da loja de materiais de surfe dela, a não ser o fato da internet da casa da tia ser lenta pra caramba (que morte horrível).

  Bom, a ida à casa de sua companhia das próximas semanas foi muito oportuna. Ah, mas claro, nesse período curto de tempo antes de ir de vez para à tia, Celine recebe uma notícia bombástica que fez seu ânimo ficar no chão. Sua arqui-inimiga do colégio, Bruna (sério, essa menina é um porre, chata, mimada, metida, affff) resolve dar uma festa em um luxuoso hotel e convida quase todos da escola e como sempre a inimiga (leia-se Bruna) gosta de fazer coisas desse tipo, a nossa Celine não é convidada. Imagine você ver seus amigos todos irem e você ficar na casa da tia trabalhando? Tadinha dela. Nessa parte da história conhecemos um dos motivos (senão o maior deles) de Celine tanto odiar Bruna e vice versa. Tem um garoto nesse meio e seu nome é Gabriel, aquele jovem galanteador, surfista, gato, tudo de bom e tudo mais. Ambas e toda a torcida do Flamengo tem uma queda por ele, mas Celine tem um algo a mais, pois essa é sua primeira paixão, seu primeiro romance adolescente que deixa seu coração em muitas dúvidas (quem nunca?).

  Nesses primeiros contatos com a casa da tia, eis que nossa amorosa Celine encontra um pé de pato que era de sua avó e estava junto das tralhas antigas que ninguém mais queria. Mas a garota se encantou pelo objeto e resolveu usá-lo em um bom e refrescante mergulho na praia ali perto. Mas daí que vem a ser revelada a magia contida no pé de pato, que ao ter contato com a água, lhe dá uma linda cauda de sereia e a experiência de respirar por dentro d’água. Nossa, que mágico! E o melhor: logo nas primeiras vezes que se descobre sereia, ela encontra ali não tão próximo da costa uma outra sereia, de nome Serena, que passa a ser sua amiga (BFF aquática rsrs) e será a responsável por ser sua guia nesse mundo novo e incrível descoberto nas águas do Rio de Janeiro.

 A partir de então, a vida de Celine começa a ter um up ao mesmo tempo natural e mágico, pois ela se envolve em sentimentos únicos de uma adolescente, com paixonites, primeiro beijo, primeira briga, coisas essas que nos transmite um pouco de como é o amadurecimento de uma menina, seus desejos e vontades. Isso não se restringe à vida “humana” dela, já que dentro do mar ela descobrirá segredos que deixará seu forninho quase caindo. Esses são os segredos mais importantes e só lendo vocês descobrirão (sou bad)

  O livro me fez dar várias risadas, com os diálogos entre Celine e suas amigas, com sua inimiga, momentos de micos de nossa protagonista e suas atitudes.

  O livro é LINDO, a diagramação fofa, a linguagem é super fácil, bem atual, a leitura é bem fluida, com algumas ilustrações que embelezam nossa imaginação e não cansam em momento algum. Mal posso esperar pela continuação! Sim Brasil, teremos uma continuação que eu estou louco par ter em minhas leituras. Super recomendado! Espero que tenham gostado e comentem aí embaixo se a resenha agradou vocês. abraços.

PS: Mais uma vez, muito obrigado Carol, só nós sabemos a aventura que foi ter esse livro aqui comigo! <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê sua opinião sobre o assunto discutido acima :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2015 | Design e Código: Natana Duarte - Colecionando Livros | Uso pessoal